ProUni

ProUni é o maior programa de bolsas de estudo do Brasil

O Programa Universidade Para Todos (ProUni) foi criado pela Lei n° 11.096, de 13 de janeiro de 2005, com o objetivo de oferecer bolsas de estudo em instituições privadas de ensino superior. Através da nota obtida no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), os estudantes concorrem à vagas em cursos de graduação e sequencias de formação específica.

As bolsas integrais são concedidas aos estudantes que comprovarem renda bruta familiar inferior a um salário-mínimo e meio por pessoa, já para os casos de bolsa parcial (50%) a renda familiar não pode exceder três salários-mínimos por pessoa.

Como participar

Para se inscrever os interessados precisam se encaixar em pelo menos um dos requisitos abaixo:

- Ter estudado o ensino médio completo em instituições da rede pública de ensino;
- Ter estudado o ensino médio completo em instituições da rede privada de ensino como bolsista integral da própria escola;
- Ter estudado o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em escola da rede privada, na condição de bolsista integral da própria escola privada;
- Ser pessoa com deficiência;
- Ser professor da rede pública de ensino, no exercício da docência na educação básica e constituindo o quadro de pessoal definitivo da instituição pública e concorrer a bolsas exclusivamente nos cursos de licenciatura.

No entanto, o requisito primordial para participar do Processo Regular é ter realizado o Enem no ano imediatamente anterior ao período em que está pleiteando a bolsa. É preciso ainda ter alcançado no mínimo 450 pontos de média na média das cinco provas (Linguagens e Códigos, Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Matemática e Redação).

Inscrições

As inscrições para participar do Processo Regular do ProUni acontecem duas vezes por ano, no primeiro e no segundo semestre. Todo o processo é gratuito e acontece através da internet. Em geral, o resultado com a lista dos classificados se dá em duas chamadas.

Terminada as convocações, são abertas as inscrições para os estudantes interessados nas vagas remanescentes do processo regular. Para concorrer a uma das oportunidades restantes é necessário preencher todos os requisitos anterior, exceto o que trata do ano de realização do Enem. Nesse caso os candidatos podem ter realizado o exame em qualquer ano após 2010.

ProUni em números

No ano de criação do programa, segundo o Sistema do ProUni (Sisprouni) foram ofertadas 112.275 bolsas, entre integrais e parciais. Em 2014 o número de bolsas integrais concedidas foi de aproximadamente 205.000, ultrapassando no total a marca de 306.000 estudantes contemplados.

Todos os anos o Ministério da Educação (MEC) recebe aproximadamente 1,5 milhão de inscrições, sendo que mais da metade das bolsas estão localizadas nos estados da região sudeste. Em 2014 os cursos que disponibilizaram bolsas são oferecidos em 943 institutos privados em todo o Brasil.

Veja as instituições credenciadas pelo ProUni